O Eneds

O ENEDS, Encontro Nacional de Engenharia e Desenvolvimento Social, é um evento que se propõe a pautar a engenharia e a formação dos estudantes através de uma ampla discussão sobre o papel da engenharia no desenvolvimento de uma sociedade mais justa e igualitária. O evento busca evidenciar a relação da engenharia, em todas as suas áreas de atuação, com o desenvolvimento social, fazendo conexões entre universidade, movimentos sociais e poder público.

O evento reúne estudantes de graduação das Engenharias e áreas afins, professores, pesquisadores, gestores públicos, empreendedores solidários, movimentos sociais, entidades da sociedade civil, políticos e membros do Estado no esforço de questionar as bases científicas do modelo de desenvolvimento atual que influem diretamente nas pesquisas e na formação em engenharia nas Universidades e centros de pesquisa do país.

Desde sua criação, em 2004, o evento vem trazendo várias pautas para problematização da academia e exemplos de projetos bem sucedidos na área de tecnologias sociais de baixo custo e impacto ambiental, economia solidária, organização de trabalhadores de forma associativa ou cooperada exercendo a democracia, diferentes formas de geração de trabalho e renda, economia social, políticas sociais e públicas, metodologias participativas e desenvolvimento local.

O local

O XV ENEDS será realizado na cidade de Alagoinhas – BA, na Universidade do estado da Bahia (UNEB campus II)!
O campus se localiza a margem da rodovia BR 110, KM 03, em frente a 2ª Companhia de Suprimento do 6º D Sup, batalhão do Exército Brasileiro.

Entrada-do-Campus-Reformada

A cidade

A cidade de Alagoinhas teve seu primeiro povoamento nos fins do século XVIII, quando um padre português fundou uma capela no território e, daí, começou a prosperar uma vila. Em virtude da chegada de imigrantes e da passagem da estrada de Boiadas, acesso para o norte e para o sertão, foi nomeado por Ruy Barbosa de “Pórtico de Ouro do Sertão Baiano”. Recebeu diversas denominações como Freguesia da Água Fria, Freguesia de Santo Antônio das Lagoinhas e posteriormente Villa de Santo Antônio d’Alagoinhas, então desmembrada da Vila de Inhambupe, quando se tornou um município baiano, independente.

[slide-anything id=”204″]

Em torno da Igreja de Santo Antônio foram construídas casas, formando uma povoação. Elevada à categoria de Vila pela Resolução Provincial 442 de 16/06/1852, sendo assim criado o município de Santo Antônio de Alagoinhas. A instalação oficial deu-se em 02/06/1853.

Segundo registros do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o distrito de Alagoinhas foi criado no dia 15 de outubro de 1816, pertencendo a Inhambupe até 16 de junho de 1852, quando se tornou sede Municipal. A emancipação política de Alagoinhas foi oficializada no dia 2 de julho de 1853, com a posse da primeira Câmara Municipal e do presidente do Conselho, o Coronel José Joaquim Leal.

O nome Alagoinhas originou-se dos rios (Sauípe, Catu, Subaúma, Quiricó), lagoas e córregos existentes na região. Uma das maiores riquezas é a excelência da qualidade da água, que faz parte do aquífero que vai de Dias D’Ávila até Tucano.

Inscrições

Realize a inscrição preenchendo o formulário abaixo.

Inscrições abertas até o dia do evento

EVENTO GRATUITO

Formulário de inscrição

Submissão de artigos

[expand title=”Cronograma”]

Chamada de artigos – 20/07 a 30/08

Resultados – 28/09

[/expand]

Normas e orientações

[expand title=”Modelos de artigo”]

[/expand]

[expand title=”Critérios de avaliação”]

– Adequação à temática e relevância;

– Relação com tecnologia/engenharia;

– Formulação da situação problema;

– Redação e clareza;

– Objetivos;

– Metodologia;

– Resultados e/ou Conclusão.

[/expand]

RESULTADOS

Programação

HORÁRIO 12/11 (SEGUNDA) 13/11 (TERÇA) 14/11 (QUARTA)
08:00 CREDENCIAMENTO
09:00 MESA INSTITUCIONAL MINICURSOS E OFICINAS APRESENTAÇÃO DE ARTIGOS / MINICURSOS E OFICINAS
10:00 MESA DE ABERTURA
12:00 ALMOÇO
14:00 MESA 01
“Descolonizando a engenharia”
MESA 02
RESEX: O elo entre desenvolvimento e conservação
MESA 03
Saúde mental e discentes/profissionais da engenharia
16:30 CINE DEBATE RODAS DE CONVERSA PLENÁRIA FINAL
18:00 JANTAR
21:00 CULTURAL

Infraestrutura

  • Alojamento gratuito
  • [expand title=”Valores da alimentação:“]
    COMBO ENGENHEIROS POPULARES: Café da manhã + almoço + janta = R$ 12,00

    Almoço isolado: R$ 6,00

    Café/janta isolados: de acordo com cardápio da cantina [/expand]

Contato

Imagem relacionada contato@eneds.net

Resultado de imagem para icon facebook png white ENEDS

Imagem relacionada eneds2018

 

APOIO

[slide-anything id=”208″]